Resistência de Terreiro contra o Racismo e o Ódio Religioso – Camponesa FM 95,7

Resistência de Terreiro contra o Racismo e o Ódio Religioso

 

Neste sábado, 14/10, a partir das 9h, o Movimento dos Trabalhadores/as Rurais Sem Terra (MST) realizam a 14ª Feira Cultural da Reforma Agrária no Centro de Formação Frei Humberto, localizado na rua Paulo Firmeza, 445, bairro São João do Tauapé – Fortaleza Ce.
Durante as feiras da Reforma Agrária o MST tem realizado debates abordando temas da atualidade, e nesta o tema será “Resistência de Terreiro contra o Racismo e o Ódio Religioso”, com a participação de George Carvalho, do IIe Asé Omo T’ifé, Kelma T’Ìyemonja, da ONG Em Tempos de Ayoká, e Cristiane Faustino, do Intituto Terramar. A programação faz parte da Jornada contra o Ódio às Religiões de Matrizes Africanas, que começou no dia 26/08, no II Ijexá da Democracia: Resistir por Liberdade e Justiça, finalizando no dia 27 de outubro, e tem por objetivo denunciar a intolerância religiosa e os ataques a terreiros em diversas regiões do país.

A Feira Cultural da Reforma Agrária tem como objetivo proporcionar momentos de debates, mística, música, mas principalmente possibilitar a população urbana o acesso a alimentos saudáveis vindos de assentamentos e acampamentos do MST, como também a intenção de dialogar com o conjunto da sociedade sobre a necessidade da realização da Reforma Agrária no país.

Confira a programação:

09:00 – Início da Feira Cultural da Reforma Agrária;
10:00 – Roda de conversa;
12:00 – Almoço com cardápio variado e típico (baião de dois, peixe, arroz, galinha caipira, pato, salada, farofa, pirão, carneiro cozido e assado);
A partir das 12:00 – Música ao vivo com “Batuque de Ode”.
O evento é aberto ao público e está previsto encerramento para às 15h.

Adequado para Crianças

Intolerância religiosa é a discriminação contra as pessoas e grupos que têm diferentes crenças ou religiões, e é marcada principalmente pelas atitudes agressivas e ofensivas.
A intolerância religiosa é um conjunto de ideologias e atitudes ofensivas a crenças e práticas religiosas ou a quem não segue uma religião.
É um crime de ódio que fere a liberdade e a dignidade humana
A Constituição Federal garante que, no Brasil, o estado é laico.

 

Fonte:https://www.facebook.com/event

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *